Vai empreender? 15 termos contábeis que todo empreendedor precisa saber


Os termos usados em matérias ligadas ao mundo da economia e contabilidade nem sempre são compreendidos por quem é de fora da área, já que são palavras que compõem um universo bem específico e pouco utilizado por quem não o vivencia diariamente. Por conta disso, empreendedores de primeira viagem ou entusiastas do empreendedorismo podem apresentar algumas dúvidas no momento em que entram em contato com estes tipos de conteúdo. Balanço Patrimonial, Simples Nacional, Fluxo de capital: "socorro, o que significa tudo isso?".

Para descomplicar essas terminologias, Dora Ramos, CEO da FHAROS Contabilidade e Gestão Empresarial, apresenta de forma simples os vocabulários mais utilizados no mercado:

1) Ativos: tudo que pode ser convertido em dinheiro de alguma forma, ou seja, seus bens e direitos.

2) Balanço Patrimonial: demonstração sobre a situação financeira da empresa.

3) Capital de giro: dinheiro necessário para garantir a continuidade da companhia para cumprir seus deveres.

4) Capital social: é o valor investido e colocado à disposição por cada um dos sócios de uma corporação para colocá-la em funcionamento.

5) Fluxo de caixa: movimento de entradas e saídas de dinheiro de uma organização.

6) Inadimplência: é o descumprimento de alguma obrigação financeira até a data de vencimento.

7) Lucro: é o resultado da empresa após apurar a diferença entre suas receitas e despesas e resultado desta operação é sempre positivo, ou seja, ocorreu ganho, o valor das receitas maior que as despesas.

8) Malha Fina: significa que o sistema da Receita Federal identificou diferença ou conflito entre as informações transmitidas pelas empresas e órgãos, e essas informações são diferentes das prestadas/entregues para Receita Federal, apontando um erro ou ausência de informação em sua Declaração Imposto de Renda Pessoa Física.

9) Patrimônio: soma de bens, obrigações e direitos de uma empresa ou pessoa.

10) Regime Tributário: conjunto de leis para determinar como a empresa pagará seus tributos.

11) Rentabilidade: o valor de retorno de uma aplicação.

12) Simples Nacional: regime tributário para micro e pequenas empresas que faturam até R$4,8 milhões, com o intuito de diminuir a burocracia e os custos de pequenos empresários, criando um sistema unificado de recolhimento de tributos.

13) Sociedade Anônima: sociedade empresarial dividida por ações, no qual seus acionistas têm sua responsabilidade limitada ao valor das ações que possuem.

14) Sociedade Limitada: sociedade empresarial em que cada um dos sócios tem uma participação definida, com bate nas cotas da empresa.

15) Tributos: cobranças obrigatórias que devem ser pagas a partir de alguma ação, seja por comprar um imóvel, ou vender algum produto/serviço.

Esses são alguns dos termos mais utilizados na contabilidade, e que certamente, clarearão os caminhos dos empreendedores que estão iniciando seus negócios. Contudo, vale destacar que em caso de dúvidas mais específicas, os novos empreendedores devem entrar em contato com um contador, que é quem apresentará soluções específicas de acordo com as necessidades apresentadas.

Fonte: Fharos Contabilidade e Gestão

© 2018 Cupom Fiscal Sistemas. All Rights Reserved. Designed By WAV Arte.